Um bilhão de estrelas a sua disposição (V.1, N. 1, P.1, 2018)

Tempo estimado de leitura: 3 minuto(s)

Em 13 de dezembro de 2013, foi lançada ao espaço uma nova esperança para a pesquisa astronômica. Trata-se da missão GAIA, cujo objetivo é medir, com precisão nunca antes alcançada, o maior número possível de estrelas em nossa galáxia. Na época em que foi lançada, a sonda contava com o mais avançado telescópio espacial já construído para a Agência Espacial Europeia (European Space Agency- ESA). Seu principal objetivo é produzir um mapa 3D altamente preciso da Via Láctea, o que nos permitirá melhorar nossa compreensão de nossas origens e evolução. A missão GAIA também deve descobrir centenas de milhares de objetos celestes ainda desconhecidos, incluindo planetas orbitando outras estrelas e astros no final de sua vida, conhecidos como anãs marrons. Os números da missão GAIA são impressionantes. Periodicamente, a equipe responsável pela missão atualiza o banco de dados com novas informações. Atualmente temos 1.692.919.135 estrelas, sendo que destas temos 1.331.090.727 com medidas de distâncias e movimento, 161.497.595 com medidas de temperatura e 7.224.631 com medidas de afastamento (ou aproximação). Com se não bastasse, a missão catalogou 14.099 objetos no Sistema Solar e mais de meio milhão de estrelas com brilho variável. Todos esses dados vêm acompanhados da mais alta precisão. Como exemplo, em uma medida da posição de uma estrela em graus, a incerteza é de apenas alguns décimos de milésimos de segundo de arco, o que significa 1 parte em 21 milhões. Os resultados da missão GAIA estão modificando a forma como a astronomia e astrofísica veem o universo. Vários estudos já estão usando suas informações, inclusive alguns projetos sediados na UFABC.

 

Os dados da missão são open access, ou seja, estão disponíveis para acesso por qualquer pessoa.

Caso o queira fazer um teste, basta acessar o site http://gea.esac.esa.int/archive/. No campo name, digite o nome de
sua estrela favorita (beta pictoris, porexemplo) e clique no botão submit query. Para pesquisar um aglomerado de estrelas, digite o nome do aglomerado (plêiades ou NGC 2244,por exemplo) e no campo radius digite 2 com
unidades em deg.

Use e divulgue. A iniciativa GAIA, com sua qualidade, precisão e acesso livre, é um exemplo de como o conhecimento pode e deve servir para os melhores valores da ciência em prol da humanidade. Para mais informações, consulte os sites:

http://sci.esa.int/gaia/

https://www.gaia.ac.uk/data/gaia-data-release-2

Prof. Dr. Annibal Hetem Junior

Centro de Engenharia, Modelagem e Ciências Sociais Aplicadas

 

 

Fonte: http://propes.ufabc.edu.br/component/k2/item/370-pesquisabc-22-edicao

 

Related Post

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *