Tag: Ecologia

0

|Série Biomas| Mangue não é só lama! (V.4, N.2, P.4, 2021)

Quando pensamos em litoral, frequentemente pensamos em praias exuberantes, com longas faixas de areia. Mas engana-se quem pensa somente isso. Ao olharmos para a extensão da faixa costeira do Brasil, temos que ter em mente que haverá diferenças de acordo com as características de cada região. Compreender estas diferenças e como a sociedade vem ocupando e utilizando estas áreas é de vital importância para pensar em formas de conservação para este ambiente.

0

|Série Biomas| Desvendando o Cerrado (V.4, N.1, P.11, 2021)

O Cerrado ocupa praticamente 25% do território brasileiro, abrangendo os estados de Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Bahia, Minas Gerais, Maranhão, Piauí, Rondônia, Paraná, São Paulo e Distrito Federal (Figura 1). É conhecido popularmente como a caixa d’água do Brasil por ser berço de três principais bacias hidrográficas no país (Amazônica/Tocantins, São Francisco e Prata), o que favorece a uma abundância de recursos hídricos e a uma biodiversidade riquíssima.

0

|Série Biomas| O que você precisa saber sobre a caatinga (V.4, N.1, P.5, 2021)

De forma simples, bioma pode ser definido como um espaço geográfico com condições climáticas e vegetação semelhantes e bem definidos. Porém hoje sabemos que dentro dessas áreas que chamamos de Biomas há diversos biomas distintos dentro deles, com suas características próprias e suas belezas. Muitos acreditam que a Caatinga é uma terra arrasada, com chão rachado, cactos, calangos e seca. Mas aqui vamos falar um pouquinho mais sobre esse bioma, suas riquezas e problemas.

0

Cupins Alados – De onde vem as “aleluias” e como são produzidas? (V.3, N.11, P.8, 2020)

“Aleluias” são cupins alados que saem de suas colônias em busca de parceiros para acasalamento. Há indícios de que a chuva e a densidade do ar influenciam as revoadas. Antes dos vôos, ocorre uma grande preparação por parte de todas as castas da colônia. Os cupins operários constroem túneis para que os alados possam sair e os cupins soldados se posicionam para defender o cupinzeiro de predadores.

0

Bioindicadores e a importância da preservação de áreas naturais (V.3, N.8, P.14, 2020)

Bioindicadores são seres vivos ou conjuntos de seres vivos intimamente relacionados ao ambiente e que são impactados pelas variações em seus habitats. A medição e a quantificação destas variações permite mensurar os impactos causados nas áreas naturais, sejam alterações da população de uma espécie ou de uma comunidade.

Twitter