Tag: Divulgação Científica

0

As Cientistas: Henrietta Leavitt (V.3, N.11, P.4, 2020)

Henrietta Swan Leavitt (1868-1921) foi a mulher responsável por revolucionar a Astronomia. O seu trabalho tornou possível o cálculo da distância das galáxias e contribuiu para a compreensão das nebulosas. A relação período-luminosidade de estrelas cefeídas (estrelas gigantes ou supergigantes) é chamada de Lei de Leavitt em sua homenagem.

0

|Breve História da Teoria de Anéis Siberiana| #2 – Os fundadores da Teria de Anéis em Novosibirsk (V.3, N.11, P.3, 2020)

Nos anos 1950, proeminentes matemáticos e físicos russos tiveram a ideia de organizar um ramo siberiano da Academia Soviética de Ciências. Assim, em 1957, foi fundada o Instituto de Matemática de Novosibirsk. Nos anos seguintes, na década de 1960, houve muita atividade em Álgebra e Lógica tanto em Novosibirsk tanto na URSS como um todo.

0

|Falando em Ciência| O que acontece no cérebro na doença de Alzheimer? (V.3, N.11, P.2, 2020)

Você sabe o que acontece no nosso cérebro durante a Doença de Alzheimer? Acredita-se que essa doença comece cerca de 20 anos (ou mais) antes dos primeiros sintomas aparecerem, ocorrendo pequenas mudanças cerebrais que não são notificadas pela pessoa afetada. Apenas anos depois de que essas mudanças já estão ocorrendo no cérebro, as pessoas começam a experimentar sintomas perceptíveis, como perda de memória e problemas de linguagem.

0

|Breve História da Teoria de Anéis Siberiana| #1 – Uma Introdução (V.3, N.10, P.15, 2020)

A álgebra, pelo seu caráter abstrato, muitas vezes é de difícil compreensão. Já a pesquisa em álgebra procura novas estruturas que tenham regras similares às estruturas conhecidas. A partir dos anos 1930, houve o advento da pesquisa sobre álgebras não associativas especialmente desenvolvida na Sibéria, mais precisamente na região de Novosibirsk. A produção da escola siberiana é de grande importância e tem impactos até os dias atuais.

0

|Podcast| Hipátia: A última grande pensadora de Alexandria (V.3, N.10, P.13, 2020)

Em mais este episódio do CienciON, embarcaremos em uma verdadeira viagem no tempo para conhecer uma personalidade que tem despertado muito interesse nos últimos anos – Hipátia de Alexandria! Hipátia foi filósofa, matemática e astrônoma e trabalhou no lendário Museu de Alexandria, onde ensinava e comentava as maiores obras científicas e filosóficas da antiguidade. O legado de Hipátia nos inspira hoje a valorizar o conhecimento e refletir sobre as questões de gênero presentes na história da ciência.

Twitter