Facebook Twitter Instagram YouTube

O que é água alcalina? (V.1, N.6, P.2, 2018)

Tempo de leitura: 3 minutos
#acessibilidade Taça de cristal sendo enchida com água.

A água é a substância mais abundante no nosso planeta e o que faz da Terra um lugar habitável para nós humanos e vários outros seres vivos. É nosso diferencial. O ser humano pode sobreviver até 30 dias sem comida, mas não aguenta mais de 4 dias sem água!

A hidratação do nosso corpo é algo tão importante que empresas de envasamento de água e de comercialização de filtros e purificadores investem na divulgação de seus produtos. Com isso, nos últimos anos, temos visto um aumento na divulgação de águas com propriedades benéficas, como a “água alcalina” ou “água alcalina ionizada”. O que muitos não sabem é que essa “água alcalina” comercializada (seja diretamente ou na promessa de filtros capazes de “alcalinizar” a água) é uma jogada de marketing.

Para entendermos isso precisamos primeiro recordar o que é acidez e alcalinidade. A acidez está diretamente relacionada à medida de pH de uma solução, que nada mais é que uma medida da concentração de íons H+. Se o valor do pH está abaixo de 7 a solução é ácida; acima de 7 básica ou alcalina. Soluções neutras têm pH 7.

A crença de que a água alcalina seria boa para consumo humano vem do fato do pH sanguíneo ser levemente alcalino (entre 7,35 e 7,45). Contudo, nosso organismo possui um sistema capaz de controlar o pH do sangue e o pH da nossa alimentação pouco influencia nesse controle. Além disso, apesar do pH sanguíneo ser levemente alcalino, o pH do nosso estômago é ácido e é justamente o suco gástrico (que tem pH entre 1,5 e 2) o responsável pela digestão dos alimentos. Alterações no pH do estômago tem consequências seríssimas para nossa digestão.

Diferentemente do que você pode ter lido em algum lugar, salvo algumas exceções de envenenamentos, nossa alimentação não é capaz de acidificar nosso organismo, mas é responsável pela aquisição dos nutrientes envolvidos no controle do pH. Qualquer alteração do pH do nosso sangue tem sintomas graves que podem levar à hospitalização. Portanto, se você está bem e lendo isso, o pH do seu sangue está dentro da faixa ideal e seu organismo está controlando isso direitinho! Para manter assim, tenha uma alimentação rica em vegetais e alimentos não processados, mas não busque alimentos necessariamente alcalinos.

O consumo de água alcalina pode, com o tempo, levar a uma alteração no pH do estômago, dificultando a digestão de substâncias que ingerimos, o que pode ter consequências para nossa saúde. Além disso, o pH do sistema digestivo todo pode ser alterado, levando a graves problemas na absorção dos nutrientes.

E as receitas caseiras de água alcalina? Você deve ter encontrado receitas à base de suco de limão e bicarbonato de sódio, certo? E ninguém nega os benefícios de um bom copo d’água com limão ou água com bicarbonato, correto? Bem, água com limão não é alcalina. Na verdade, devido à presença de ácido cítrico e ácido ascórbico (mais conhecido como vitamina C) no limão, a água com limão é ácida! Isso mesmo, aquela receita de água alcalina que você achou na internet que leva limão, na verdade, é de água ácida! E a água com limão e bicarbonato? Quando o bicarbonato entra em contato com o limão há a formação de gás carbônico que é, na maior parte, liberado na forma de gás dando o efeito de “efervescência” da mistura. Uma parte do gás carbônio reage com a água para formar outro ácido, o ácido carbônico, presente nos refrigerantes. O bicarbonato que não reage e chega ao estômago neutraliza o suco gástrico (composto por ácido clorídrico) trazendo certo alívio a quem tem problemas de gastrite (que se caracteriza pela diminuição do pH do estômago), mas pode, consequentemente, levar ao aumento do pH do estômago e aos problemas que já comentamos anteriormente.

Para manter o pH do seu organismo dentro da faixa ideal, prefira águas minerais com baixos teores de resíduos secos, tenha uma alimentação saudável e não se deixe levar por promessas de águas milagrosas capazes de prevenir ou até tratar doenças.

Fontes:

Fonte da imagem destacada: Photo by bjornengqvist on Foter.com / CC BY-NC-ND

https://super.abril.com.br/mundo-estranho/quanto-tempo-resistimos-sem-comer-nem-beber/

https://super.abril.com.br/mundo-estranho/quais-sao-os-limites-de-sobrevivencia-do-homem/

http://www.cprm.gov.br/publique/Redes-Institucionais/Rede-de-Bibliotecas—Rede-Ametista/Canal-Escola/Agua-Mineral-e-Agua-de-Mesa-1299.html

http://www.scielo.br/pdf/ramb/v45n3/1658.pdf

https://www.youtube.com/watch?v=S4d0wd7C84c (em espanhol)

Outros divulgadores:

Vídeos do Canal do Pirula no YouTube sobre a água alcalina Parte 1Parte 2

Compartilhe:

1 comentário em “O que é água alcalina? (V.1, N.6, P.2, 2018)

Responder

Seu endereço de e-mail não será publicado. Obrigatório *