Facebook Twitter Instagram YouTube

O que são explicações exploráveis? (V.3, N.1, P.1, 2020)

Tempo de leitura: 2 minutos
#acessibilidade Ilustração da parábola dos polígonos em que todos os triângulos amarelos estão à esquerda e todos os quadrados azuis estão à direita.

Você certamente já aprendeu alguma coisa fazendo, não é mesmo? Talvez tenha lido todo um conteúdo teórico em um livro ou apostila, mas só entendeu mesmo quando colocou a mão na massa. Bem, filhotes de leão aprendem habilidades sociais brincando, ratos aprendem habilidades emocionais brincando, macacos aprendem habilidades cognitivas brincando. E se também pudéssemos aprender algo… brincando?

Isso são as explicações exploráveis: jogos e animações interativas que te dão um papel ativo no próprio aprendizado. Você poderia ler na Wikipedia o que é a Teoria Hebbiana e como os neurônios fazem conexões, mas e se você tivesse um recurso visual e interativo para ajudá-lo a entender? Bem, clique aqui e divirta-se (ative as legendas em português).

Recursos interativos para ensinar algo não são realmente uma novidade, talvez você já tenha se deparado com algum. As explicações exploráveis te dão controle sobre algumas variáveis, assim você pode alterá-las e ver como as coisas funcionam, tirar as suas próprias conclusões. A parábola dos polígonos pode te mostrar como pequenas preferências individuais levam a grandes preferências coletivas e podem levar à segregação.

É uma forma multidisciplinar de ensinar e aprender. Embora por trás de quase todos haja código em javascript, os temas são dos mais variados e têm participação de profissionais de diversas áreas: arte, biologia, química, economia, jornalismo, matemática, filosofia, física, programação, psicologia, ciências sociais, etc. Que tal aprender um pouco sobre teoria dos jogos? Ou sobre ansiedade?

Algumas delas podem parecer jogos, mas o objetivo aqui não é ganhar ou marcar pontos, mas sim passar uma informação em forma de simulação enquanto conta uma história. Que tal aprender um pouco sobre como os vaga-lumes conseguem piscar de forma sincronizada? Ou como se lembrar de qualquer coisa para (quase) sempre? Ou ajudar um carro autônomo a tomar decisões difíceis?

A termo explicação explorável foi cunhado por Bret Victor em 2011 como uma forma de possibilitar e encorajar uma leitura verdadeiramente ativa e mudar a forma das pessoas verem um texto de uma mera informação a ser consumida para um ambiente para pensar. 

Uma lista de explicações exploráveis pode ser encontrada em explorabl.es graças a Nicky Case, que registrou o domínio e compilou o material, além de ter sido responsável pela criação de várias delas. Nem todos possuem tradução para o português e a tradução é feita por voluntários. Gostou e quer criar sua própria explicação explorável? O explorabl.es tem tutoriais e ferramentas que te ajudam a começar!

Fontes:

Fonte da imagem destacada: http://ncase.me/polygons-pt-br/

https://medium.com/@Max_Goldstein/exploring-explorable-explanations-92f865c8d6ba

http://worrydream.com/ExplorableExplanations/

Outros divulgadores:

Vídeo A Revolução Interativa! – Top Models 17 do canal BláBláLogia no YouTube

Compartilhe:

Responder

Seu endereço de e-mail não será publicado. Obrigatório *