Facebook Twitter Instagram YouTube

Retrospectiva: 10 fatos do mundo da ciência em 2018 (V.1, N.7, P.4, 2018)

Tempo de leitura: 5 minutos
#acessibilidade imagem do físico Stephen Hawking flutuando em gravidade zero, em equipamento da NASA.

Listas ou até mesmo uma retrospectiva geralmente nos fazem refletir sobre nossas vidas, o que fizemos e onde estávamos quando determinado fato aconteceu. Grandes acontecimentos fazem nossa memória relembrar de uma vivência. Por exemplo: você se lembra o que fazia quando soube dos atentados de 11 de setembro de 2001? Ou, para os mais velhos, quando o homem finalmente pisou na Lua, em 1969? Ou mesmo quando soube da morte de uma personalidade que admirava?

Certamente você recordou um pedaço de sua vida por conta de um extraordinário instante. Um ano faz com que a ciência mude de várias formas. Novas teorias são descobertas, novos remédios são desenvolvidos, pessoas importantes se vão e até mesmo iniciativas como o Guia dos Entusiastas da Ciência passam a existir. Um ano para o gigantesco calendário cósmico não é nada, um ano para a história da ciência é pouca coisa, mas em um ano coisas fantásticas acontecem no mundo acadêmico.

Peço licença para cometer alguma injustiça, mas terei a audácia de listar 10 fatos que marcaram a ciência em 2018, sei que foram muito mais que estes, mas não caberia em um único texto. Cito alguns que marcaram o ano:

1 – Água em Marte

Em junho, a sonda lançada na missão Mars Express, das Agências Espaciais Europeia e Italiana, descobriu um lago com água na forma líquida em um reservatório subterrâneo do planeta vermelho. Abaixo de uma camada de 1,5km de gelo, o montante tem cerca de 20 quilômetros de diâmetro. A descoberta foi importante para as pesquisas em astrobiologia e para entender se há/houve vida microscópica em Marte em algum momento da história. O Gec fez uma entrevista sobre os desdobramentos dessa descoberta.

Relembre aqui.

2 – Interstício

Cientistas da Escola de Medicina da Universidade de Nova Iorque (NYU), nos EUA, publicaram na revista científica Scientific Reports, em março, a descoberta de um novo órgão no corpo humano, o interstício. Se trata de um espaço cheio de cavidades que são preenchidas por líquido e está presente estre os tecidos do nosso corpo. Essa camada recobre todos os tecidos do corpo, desde a pele até os pulmões e músculos.

Veja mais detalhes sobre a descoberta na reportagem da BBC.

3 – Anéis de Saturno

A sonda Cassini, antes de parar de funcionar, enviou dados sobre os anéis de Saturno. O interessante é que essas informações dão conta de que a chuva de gelo, água e poeira que cai constantemente sobre o planeta é bem maior do que os cientistas outrora imaginavam. Na prática, isso significa que o gigante está engolindo seus anéis em uma velocidade muito mais rápida e, em 100 milhões de anos, eles não existirão mais.

Relembre a notícia do site Sputnik Brasil.

4 – Sirius

A física de partículas brasileira ganhou um poderoso aliado no dia 20 de novembro, o acelerador de partículas Sirius, no campus do Centro Nacional de Pesquisas em Energia e Materiais (CNPEM), em Campinas/SP. O Sirius é um laboratório de luz síncrotron de 4° geração. Agora, pesquisas relacionadas ao desenvolvimento de novos fármacos, descrição de estruturas atômicas de novos materiais, entre outras pesquisas poderão ser feitas por equipes de pesquisadores brasileiros.

Entenda melhor sobre o Sirius no artigo do Guia.

5 – Mudança de peso

O Comitê Internacional de Pesos e Medidas (CIPM) decidiu mudar o parâmetro de medição de 1 quilograma, que correspondia à massa do cilindro de platina e irídio, o Protótipo Internacional do Quilograma (IPK). A mudança foi feita por conta de que o objeto ganha uma quantidade de massa por período de tempo, o que acaba sendo inconsistente com a ideia de ter uma base para a medida.

Relembre o texto sobre a mudança no site do Guia.

6 – Prêmio Nobel

A premiação do Nobel é muito aguardada pela comunidade científica e, em 2018, as premiações de medicina, química e física, foram concedidas à pesquisas com aplicações biológicas. Na medicina, a chancela foi para pesquisadores de terapia contra o câncer. Na química, quem levou foi um trio de pesquisadores que desenvolve proteínas usando princípios da evolução. Já na física, o prêmio foi para pesquisadores que conseguiram usar uma pinça óptica para movimentar pequenos organismos.

Confira os textos sobre o Prêmio Nobel no site do Guia.

7 – Museu Nacional

Um triste fato de 2018 foi o incêndio que ocorreu, no dia 2 de setembro, no Museu Nacional, no Rio de Janeiro. Estima-se que cerca de 90% das obras e relíquias foram perdidas nas chamas. Investiga-se o que causou o incidente, mas já se sabe que o patrimônio sofria com a queda de investimentos governamentais.

Relembre o fato clicando aqui.

8 – Ícaro

No mês de agosto, a NASA lançou a sonda Parker Solar Probe, com uma histórica missão rumo ao Sol. É a primeira vez que um objeto do tipo vai entrar na fotosfera do Sol para enviar dados relativos ao astro para a Terra. Isso será importante para os estudos sobre a estrela no futuro.

Leia o texto do Guia sobre a Sonda clicando aqui.

9 – Fake News na Ciência

O 2018 também foi marcado pela grande ascensão das Fake News pelas mídias sociais. E claro, a ciência não ficou de fora desse fenômeno. Na realidade, essas notícias falsas já são pregadas há tempos, mas algumas consequências foram colhidas nesse ano. Por exemplo, o retorno de doenças que já eram consideradas extintas, por conta de campanhas anti-vacina, ou mesmo a teoria da Terra Plana, que já foi superada no Renascimento.

10 – Stephen Hawking

Luzes se apagaram também em 2018. Talvez a mais marcante para o mundo da ciência, sobretudo o da Astrofísica, seja a partida de Stephen Hawking, responsável por teorias maravilhosas sobre buracos negros e também divulgador científico. Hawking sofria com a Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA) desde a juventude, mas mesmo assim, contrariando todas as previsões, conseguiu ter uma vida longa. O cientista nos deixou no mês de março, mas seu legado continuará firme por toda a história.

Espero que você continue conosco discutindo e trocando ideias sobre ciência em 2019. Fique ligado pois teremos muitas novidades nesse próximo ano.

 

Physicist Stephen Hawking in Zero Gravity NASA 300x200 - Retrospectiva: 10 fatos do mundo da ciência em 2018 (V.1, N.7, P.4, 2018)
Stephen Hawking em gravidade zero, na NASA. Fonte: NASA/Creative Commons

Fontes:

Fonte da imagem destacada: NASA/Creative Commons

Compartilhe:

Responder

Seu endereço de e-mail não será publicado. Obrigatório *