Tag: Animais

0

Sobre outros olhares para a divulgação científica (V.3, N.7, P.17, 2020)

Um dos maiores desafios para democratizar o conhecimento das ciências é substituir verdades dogmáticas por hipóteses transitórias. A Teoria da Evolução possui aspectos inaceitáveis para uma parcela significativa da sociedade e provoca discussões acaloradas sobre a ausência de uma inteligência transcendental. Nos últimos 50 anos, diversos cientistas se dedicaram a levar os fundamentos da Evolução para fora do ambiente acadêmico, dentre eles se destacam dois grandes divulgadores científicos: Dawkins e Gold.

0

Os cupins e as cidades brasileiras: viver em sociedade é vantajoso? (V.3, N.7, P.15, 2020)

Um cupinzeiro concentra milhares de cupins operários e soldados, bem como uma cidade aglomera milhares de pessoas. Uma resposta para o porquê desta organização social em comum pode ser a energia. O pesquisador venezuelano Klaus Jaffe indica que quanto mais indivíduos em uma cidade ou em uma colônia de insetos, mais eficiente é o consumo energético. Em outros termos, quanto maior o grupo social, menor será o consumo de energia por habitante.

0

Animais domésticos são suscetíveis à COVID-19? O que se sabe até o momento (V.3, N.7, P.6, 2020)

Estudos iniciais indicam que os furões são os animais mais eficazes a serem utilizados como modelos para estudos, pois o coronavirús se replica somente em seu trato superior. Cachorros apresentam baixa suscetibilidade ao SARS-Cov-2, porém gatos são altamente suscetíveis, especialmente os filhotes. Estes indícios ressaltam a importância da adoção de medidas de prevenção e isolamento para animais domésticos.

0

Insetos Agricultores (V.3, N.2, P.5, 2020)

Insetos agricultores – formigas e cupins que cultivam fungos As espécies de cupins da subfamília Macrotermitinae, e as de formigas da subtribo Attina são conhecidas por cultivarem fungos para seu próprio benefício (ou os fungos “cultivam” os insetos?). Para os cupins, os fungos funcionam mais ou menos como o limão ou o abacaxi que se coloca na carne num churrasco – “amaciando” a madeira (ou…

0

Tráfico de animais silvestres (V.2, N.12, P.3)

O comércio ilegal de animais silvestres no Brasil é uma prática que data desde a época do descobrimento e infelizmente ainda é uma realidade. O tráfico de animais para serem vendidos como animais de estimação movimenta milhões de reais por ano e essa exploração descontrolada leva ao desaparecimento de centenas de espécies e ao desequilíbrio ecológico, tudo isso porque alguém COMPRA esses animais.

Twitter