Facebook Twitter Instagram YouTube

Ciência POP #2 (V.3, N.3, P.6, 2020)

Tempo de leitura: 4 minutos
#acessibilidade Células HeLa contrastadas com anticorpos para actina (verde), vimentina (vermelho) e DNA (azul).

Nesta época de dificuldade em que devemos passar bastante tempo em casa continuamos com a série de posts onde listamos semanalmente cinco filmes, séries, animações ou outras obras que tenham cientistas como seus personagens principais ou que tenham como tema principal a ciência. Bem-vindo(a) ao Ciência POP #2!

Este texto não contém spoilers

Contágio / Contagion (2011) – 1 hora e 46 minutos

Este é um filme que ficou muito famoso recentemente, figurando em diversas listas de mais buscados e de mais assistidos. Isso se deve à semelhança assustadora com o período em que vivemos atualmente. Em Contágio, Beth Emhoff, interpretada por Gwyneth Paltrow, se torna o paciente zero de uma pandemia mundial. Um novo vírus mortal se espalha rapidamente principalmente por fômites (qualquer objeto ou substância capaz de absorver, reter e transportar organismos contagiantes de um indivíduo a outro), matando milhões de pessoas ao redor do mundo. As pessoas são precisam ficar em quarentena, manter o isolamento social, lavar as mãos com frequência, evitar colocar as mãos no rosto, usar máscaras, etc. Até mesmo gente oportunista promovendo uma cura falsa e lucrando com isso também aparece no filme. Mas nem tudo é terrível. Também são personagens centrais do filme a Dra. Erin Mears, interpretada por Kate Winslet, que trabalha no Epidemic Intelligence Service (grupo de controle e prevenção de doenças estadunidense), a Dra. Leonora Orantes, epidemiologista da OMS interpretada por Marion Cotillard, e a Dra. Ally Hextall, pesquisadora empenhada em desenvolver uma vacina para o vírus, interpretada por Jennifer Ehle.  Disponível para compra  aluguel no YouTube e Google Play FilmesO filme mostra situações muito pesadas, portanto se você for sensível ou sofrer de ansiedade, talvez seja melhor não assistir. Desça a página e veja as próximas recomendações.

Super Science Friends (2014) – 7 episódios com em média 19 minutos

Gosta de Liga da Justiça? Vingadores? Se a resposta for sim, você vai gostar de Super Science Friends. Durante a Segunda Guerra Mundial, Winston Churchill viaja no tempo para reunir os melhores cientistas que o mundo já viu e derrotar os nazistas. A trupe de super-heróis cientistas inclui: Nikola Tesla e seus poderes elétricos, Tapputi, a primeira química do mundo, cujas habilidades envolvem criar diversos tipos de perfumes com efeitos diferentes, Charles Darwin com o poder de se metamorfosear em qualquer animal, Marie Curie e seu anel radioativo, Sigmund Freud, telepata, e o jovem Albert Einstein de 14 anos, com sua super velocidade (afinal, o tempo é relativo). Em suas aventuras eles ajudarão Newton, lutarão na Guerra das Correntes, encontrarão velhos adversários e muito mais. Super Science Friends ainda possui diversos spin-offs e dublagem em diversos idiomas (infelizmente há apenas legendas em português). Assista de graça no YouTube.

Dúvida Cruel (2018) – 294 páginas

Iberê Thenório e Mari Fulfaro produzem desde 2008 vídeos para seu canal Manual do Mundo no YouTube. Nele você pode encontrar vídeos de brincadeiras, pegadinhas, aulas, experimentos, dentre muitos outros. Além do canal, eles também se aventuraram na literatura. No seu segundo livro, Dúvida Cruel: 80 respostas para as perguntas mais cabeludas, eles respondem cientificamente a perguntas das mais diversas, como “como os astronautas vão ao banheiro?”, “como os gatos conseguem cair sempre de pé?” e “por que a gente chora quando corta cebola?”, sempre com uma linguagem acessível e ilustrações para acompanhar, conteúdo para todas as idades. Até 31/03/2020 o eBook estará de graça na Amazon, aproveite!

Dr. Stone, primeira temporada (2019) – 24 episódios de 24 minutos

Em um belo dia uma luz branca aparece no horizonte. Subitamente todos os humanos são transformados em pedra. Milhares de anos depois a primeira pessoa desperta: Senku, um colegial prodígio apaixonado por ciências. Logo que acorda já começa a utilizar o método científico para criar uma fórmula para despetrificar todas as pessoas do mundo e, assim, conseguir reerguer a civilização, mas há quem tenha ideais diferentes, querendo trazer de volta apenas os jovens, fortes e úteis, impedindo que as pessoas que tornaram o mundo no que ele era no passado despertem. Assim se inicia uma corrida científica e Senku utilizará todo seu conhecimento científico e toda a ajuda que puder encontrar para cumprir seu objetivo e reerguer a humanidade. Reinventar a roda, a pólvora, o aço e, não menos importante, o lamem e o refrigerante. Por que não um celular ou uma máquina de algodão doce? Dr. Stone é um anime inspirado no mangá de sucesso de mesmo nome. Acompanhe a saída da Idade da Pedra de graça pelo Crunchyroll.

A Vida Imortal de Henrietta Lacks / The Immortal Life of Henrietta Lacks (2017) – 1 hora e 32 minutos

Nos anos 50, nos EUA, Henrietta Lacks foi diagnosticada com câncer cervical em decorrência de HPV. Células do tumor foram tiradas sem seu consentimento (algo comum para os protocolos da época). Essas células foram chamadas de HeLa e são usadas até hoje em laboratórios do mundo todo por serem células humanas que se multiplicam extremamente rápido. Diversos medicamentos, vacinas e nosso próprio conhecimento só puderam avançar graças a elas. Henrietta nunca ficou sabendo o que foi feito com suas células e sua família só foi descobrir muitos anos depois. É esse o enredo de A Vida Imortal de Henrietta Lacks, filme produzido pela HBO inspirado no livro de mesmo nome, que conta como a escritora Rebecca Skloot, interpretada por Rose Byrne, ajuda Deborah Lacks, filha de Henrietta interpretada por Oprah Winfrey, e sua família a buscar respostas sobre sua mãe e sobre como fizeram uso de suas células.

E você, conhece algum que não está nesta lista? Indica pra gente nos comentários!

Fontes:

Fonte da imagem destacada: GerryShaw / CC BY-SA

Compartilhe:

Responder

Seu endereço de e-mail não será publicado. Obrigatório *